Sororidade e gestão

Por Missão: Mulheres do Agro

0

Cada vez mais as mulheres estão assumindo cargos de gestão no agronegócio. Se você está nesse papel – ou se tem como meta ser uma líder da área – é importante aprender alguns passos para que sua liderança seja assertiva e marcante. Vou te mostrar aqui um primeiro passo bem importante:

Especialistas em gestão afirmam que um bom líder deve, além de inspirar a equipe, incentivar a formação de novos líderes. Isso porque, quanto mais potenciais líderes uma empresa tem, mais pessoas inspiradoras sua equipe terá, o que com certeza vai deixar seu negócio mais produtivo. 

Tudo isso diz respeito a aplicar a sororidade no seu modelo de gestão.

Afinal, o que é sororidade?

Muito se fala hoje sobre sororidade e ainda assim, tenho uma vaga sensação que a palavra soa estranha pra muita gente.

Talvez ela me seja familiar pela ligação que tive com ela desde pequena. Nos meus estudos filosóficos, aprendi que “sóror” era irmã e “frater”, irmão. Então, foi lógico eu associar que sororidade estava relacionada a algum movimento feminino, entre irmãs, amigas, parceiras, colegas, assim como fraternidade era um movimento entre irmãos.

No dicionário, a palavra, considerada substantivo feminino, significa a união e aliança entre mulheres, fundamentada na empatia e companheirismo, com finalidade de alcançar objetivos comuns.

Para alguns, essa palavra está na moda e, como modinha, será facilmente esquecida. Disso, eu discordo! Tenho para mim que essa palavra, tão fortemente usada na antiguidade, fincará raízes em nosso momento e reinventará outras modas a partir dela.

Como posso praticar a sororidade na minha equipe?

Muitas de nós pratica a sororidade no dia a dia e nem se dá conta disso. Geralmente, nós, mulheres, costumamos a ter/sentir empatia e isso já é uma ponte para praticar a sororidade. Se você contextualizar essas práticas, perceberá que homens tendem a ser mais unidos e se defendem com maior intensidade. Isso é uma das vertentes da fraternidade.

Para aplicar a sororidade em sua liderança, você pode motivar suas colegas a se posicionarem, a expressarem suas ideias. Valorize alguém de sua equipe, da sua empresa ou até mesmo da concorrência com um elogio verdadeiro ou motivacional. Não se aproprie de ideias que não sejam suas, dando o crédito à devida colega.

Praticamos sororidade ao apoiar nossas pares, ao não julgá-las e criticá-las! Ao estendermos nossas mãos, oferecendo nossos pensamentos, nossas ações e energia em prol de um coletivo maior.

Uma boa líder (e aqui arrisco a afirmar que somos todas líderes) sabe motivar e fomentar essa ação ao ouvir com paciência as ideias de sua equipe, ao dar espaço e apoio a uma profissional competente de se posicionar. Ao dar seu aval numa recomendação para a promoção de uma colega mulher quando ela for tão ou mais mais preparada que outro candidato. Ao reconhecer a bagagem de sua colaboradora para assumir novas responsabilidades.

Sororidade é não ter medo de ser preterida por outra colega mais qualificada! Você pode ter uma rede competente que logo ali adiante  vai te gerar frutos positivos.

Tenha certeza que com esse gesto simples, muitas vezes esquecido em nosso dia a dia tão agitado, você estará alimentando a corrente do Empoderamento Consciente.

Lembre-se também que você, que está lendo esse texto aqui no Por Dentro do Agro, pode ser uma líder de sucesso e inspirar outras mulheres a fazer o mesmo.

E não esqueça: juntas somamos e transformamos!

Um abraço carinhoso, 

rteyy

 

A melhor plataforma de estudos online para a gestão agrícola.Powered by Rock Convert

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.